Geraldo Alckmin participa da abertura do 16º Congresso da Abag, em São Paulo

04/08/2017|Tags: |

Com as presenças do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e dos secretários estaduais da Agricultura, Arnaldo Jardim; de Energia e Mineração, João Carlos de Souza Meirelles; e do Meio Ambiente, Ricardo Salles, a Abag – Associação Brasileira do Agronegócio promoverá, na segunda-feira (7), em São Paulo, o 16º Congresso Brasileiro do Agronegócio.

O tema central das discussões deste ano será “Reformar para Competir” e tem por objetivo reforçar uma sequência de discussões iniciadas nas edições anteriores do evento, voltadas para a construção de um Brasil moderno, competitivo e sustentável em todos os sentidos.

Para enriquecer as discussões, mais uma vez, a Abag reúne um renomado time de especialistas, incluindo os mais importantes analistas da atualidade. Entre os debatedores deste ano estão Paulo Rabello de Castro, presidente do BNDES – Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social; os ex-ministros Rubens Ricupero e Almir Pazzianotto, respectivamente, da Fazenda e do Trabalho, e os embaixadores Rubens Barbosa e Roberto Jaguaribe. Os debates serão moderados pelo jornalista William Waack.

Também irão integrar a lista de palestrantes e debatedores do Congresso da Abag executivos das principais empresas ligadas à cadeia do agronegócio, como a vice-presidente global de Assuntos Corporativo da Cargill, Devry Boughner Vorwerk; o vice-presidente global de Negócios da DuPont Pioneer, Alejandro Muñoz; além do presidente da Suzano Papel e Celulose, Walter Schalka.

Dividido em quatro grandes blocos, o evento contempla o debate dos seguintes temas: Modernização Trabalhista, Reforma Tributária, Nova Geopolítica, além de uma palestra inaugural sobre o Brasil e as Reformas Urgentes, que será conduzida pelo jornalista e analista econômico, Carlos Sardenberg. O painel sobre Nova Geopolítica reproduzirá o formato do programa Roda Viva, da TV Cultura, contando, inclusive com a mediação do jornalista Augusto Nunes, que também apresenta o programa na TV.

Além dos debates, o Congresso da Abag também prestará algumas homenagens por meio dos seus já tradicionais prêmios. Para este ano, no Prêmio Norman Borlaug, o escolhido foi o pesquisador João Kluthcouski (conhecido como João K), da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa; e para o Prêmio Ney Bittencourt de Araújo, o ex-ministro da Agricultura, Francisco Turra, que é presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal – ABPA.

Neste ano será prestada homenagem especial à TV Globo pela iniciativa da campanha “Agro: A Indústria-riqueza do Brasil”. Outra solenidade programada será a assinatura do termo de compromisso entre a diretoria da Abag e do IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística para a implementação de ações conjuntas com vistas à divulgação do Censo Agro 2017 e fomentar o uso de informações produzidas pelos IBGE.

 
Fonte: Agrolink