Edição 702 d’A Lavoura destaca: consumo de água é indicador para avaliar desempenho do rebanho

04/12/2017|

O produtor deve monitorar o peso dos animais, além de outros itens que fazem parte do manejo cotidiano. Foto: Gisele Dosso/Divulgação A Lavoura Edição nº 702/2014

O consumo de água é um dos indicadores disponíveis para avaliar o desempenho zootécnico e sanitário de um rebanho, segundo o pesquisador Julio Palhares, da Embrapa Pecuária Sudeste, em publicação da Revista A Lavoura, na edição nº 702/2014.

“Monitorar o consumo significa dispor de informações valiosas para auxiliar na tomada de decisão sobre os aspectos produtivos, econômicos, sociais e ambientais na propriedade”, explica Palhares.

Vários sintomas no animal podem indicar falta de água, como pele retraída, membranas e olhos secos, perda de peso, redução no consumo de alimentos, entre outros. Esses sintomas só podem ser detectados se o responsável pelo rebanho a ter como prática a avaliação dos animais no dia a dia.

MONITORAMENTO

O pesquisador sugere que o produtor monitore o peso do animal, a ingestão de matéria seca e de sal, a porcentagem de proteína na dieta e a temperatura ambiente.

“Esse monitoramento é simples, porque faz parte do manejo cotidiano. Cabe ao produtor relacioná-lo ao consumo de água. Para isso, terá que medir o consumo e compará-lo com as médias para a espécie e para as formas de uso. Assim, ele garante a eficiência e eficácia zootécnica da criação e a segurança hídrica da propriedade”, explica.

A tabela abaixo indica a média de água consumida por espécie, que pode auxiliar o produtor. A forma mais simples e de baixo custo para medição do consumo é pela instalação de hidrômetros, que devem ser adquiridos de acordo com as características estruturais e hídricas de cada propriedade.

MANEJO HÍDRICO

O manejo hídrico adequado possibilita uma melhor gestão da água nas propriedades e nas cadeias de produção. Além disso, é uma importante ferramenta para a preservação e conservação dos recursos hídricos, que são finitos, propiciando uma atividade ambientalmente mais equilibrada e economicamente mais rentável.

A Embrapa Pecuária Sudeste (SP) publicou um comunicado técnico sobre o consumo de água na produção animal. O documento traz informações completas para produtores, profissionais agropecuários e extensionistas sobre o que determina o consumo de água pelos animais, os tipos de fontes e as vantagens e desvantagens do monitoramento.

O comunicado técnico está disponível no site da Embrapa Pecuária Sudeste. Clique aqui!

OUTROS DESTAQUES D’A LAVOURA Nº 702/2014

Gratuita para leitura no site da Sociedade Nacional de Agricultura (SNA), a edição nº 702/2014 da Revista A Lavoura traz outros destaques. Veja abaixo!

Quer ler outras edições anteriores sem pagar nada? Acesse www.sna.agr.br/publicacoes/a-lavoura. Prefere receber nossas versões impressas exclusivas para assinantes no conforto de sua casa? Envie um e-mail para assinealavoura@sna.agr.br.

Fonte:  Revista A Lavoura – Edição nº 702/2014