Boi Gordo: mercado à espera do desenrolar dos fatos

Publicado em 18/05/2017

A crise, deflagrada ontem à noite, em função das revelações premiadas, dos donos do frigorífico JBS e noticiadas pela imprensa, afetaram o mercado e existe resistência para a venda a prazo para esse frigorífico.

As compras a prazo, apesar da campanha para a venda à vista, disseminada nas redes sociais, estão acontecendo e, pelo menos hoje, ainda estavam na rotina dos compradores, mesmo com pouco volume de negócios fechados.

Em diversas praças, foi comum os frigoríficos estarem fora de mercado, se aproveitando dos avanços das escalas, conquistados nas últimas semanas, para dar suporte a este comportamento. Os compradores optam por aguardar o desenrolar dos fatos.

De qualquer forma, na avaliação geral, não há pressão negativa adicional sobre as cotações em relação à ontem e nem terrorismo de mercado.

A BM&F, no entanto, suspendeu o pregão às 10h20, após o índice Bovespa ter caído 10,47% e o reabriu às 10h55 horas. Esse processo é denominado “circuit breaker”, cuja intenção é acalmar os agentes de mercado numa situação de grande insegurança. Essa era a situação até o fechamento desta edição do Tem Boi na Linha.

Clique AQUI e veja mais cotações do mercado do boi.

 

Fonte: Scot Consultoria

 

Boletim semanal de notícias da SNA por e-mail.

Cadastre-se para receber o boletim

Veja as últimas edições

 

Últimas notícias